Comportamentos de risco nas Redes Sociais… diz estudo!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Comportamentos de risco nas Redes Sociais… diz estudo!

Mensagem por Viriato em Ter 28 Jun 2011, 13:59

Embora os cibernautas relevem preocupações com a segurança e privacidade nas redes sociais, ignoram as medidas necessárias para se protegerem.

A ESET encomendou um estudo no qual foram inquiridos 2027 adultos americanos com mais de 18 anos, entre 31 de Maio a 2 de Junho, revelando que embora os utilizadores se preocupem com a sua segurança e privacidade on-line, têm comportamentos de risco nas redes sociais.



Embora 69% dos utilizadores e possuidores de contas em redes sociais assumam preocupações com a segurança on-line, um terço nunca alterou as suas palavras-passe e 15% não a alteram há mais de um ano.



Um em cada dez utilizadores de redes sociais já reportou que um utilizador desconhecido assumiu o controlo da sua conta e usou-a para espalhar ligações maliciosas e comentários. Isto é particularmente alarmante, se considerarmos que o acesso não autorizado pode ameaçar toda a segurança on-line do utilizador, bem como dos seus contactos.



O estudo destaca que dos 67% dos utilizadores de redes sociais estão preocupados com as questões de segurança, porém 55% actualizam as suas definições de privacidade apenas de 6 em 6 meses, o que se revela problemático. Por exemplo, o Facebook torna extremamente difícil para os utilizadores saberem quando necessitam de actualizar as suas definições de segurança, porque normalmente não são lançados alertas para a introdução de novas alterações que afectam a privacidade dos utilizadores.



Se 69% dos possuidores de contas em redes sociais estão preocupados acerca da segurança, 67% expressam preocupação com a privacidade. Conclui-se ainda que:
• 37% dos utilizadores estão preocupados que alguém crie uma conta com o seu nome;
• 95% dos utilizadores aceitam normalmente o pedido de amizade de um amigo ou desconhecido;
• 71% dos utilizadores temem que a informação que introduzem nas redes sociais sejam vendidas ou partilhadas à revelia;
• 17% dos utilizadores estão preocupados que os seus filhos utilizem as redes sociais



O que pode fazer para se proteger a si e aos seus contactos nas redes sociais?

Um erro comum a muitos utilizadores passa por considerarem que a segurança nas redes sociais e consequente privacidade está fora do seu controlo e que a principal responsabilidade pelas falhas é dos administradores ou responsáveis pelas redes. Na realidade, a maioria dos problemas relacionados com privacidade e segurança parte dos próprios utilizadores.

1. Seja inteligente com as palavras-passe
Muitos utilizadores questionam-se acerca do intervalo de tempo ideal para alterarem as suas palavras-passe. Esta não é uma questão simples de responder uma vez que depende de diversos factores.
Utiliza a mesma palavra-passe em todas as redes sociais em que se encontra? Se responder ‘Sim’ a esta questão deveria alterar a sua palavra-passe de 5 em 5 minutos. Importa salientar que quando utiliza a mesma palavra-passe em todas as redes sociais está a correr um grande risco, dado que basta acederem a uma só conta para passarem a controlar toda a sua actividade on-line.

A sua password é uma palavra comum ou uma sequência de números semelhante a 12345? Neste caso então deveria mudar a sua password de 10 em 10 minutos. Daqui se conclui que dado que nenhum utilizador irá estar a alterar a sua palavra-passe a cada 5 ou 10 minutos, o segredo passa por escolher uma boa combinação entre letras (letra grande e pequena) e números. Se o fizer apenas será conveniente alterar a sua palavra-passe entre 3 a 6 meses.

2. Saiba quais as suas opções no que concerne à privacidade e verifique com frequência as opções disponíveis.
Se por vezes as alterações ao Facebook são relatadas na imprensa, noutros casos são disponibilizadas aos utilizadores sem aviso prévio. Por esse motivo deverá verificar todas as semanas as definições de privacidade disponíveis no facebook. Se não o fizer, pode correr o risco de estar a partilhar informações pessoais com todo o Facebook sem o seu consentimento.

3. Saiba quem são os seus amigos virtuais.
Deverá certificar-se que sempre que recebe um pedido de amizade e o aceita, conhece de facto a pessoa que o adicionou. Existem cibercriminosos que estudam o comportamento dos utilizadores nas redes sociais, para os mais diversos efeitos, por isso tenha muito cuidado. Press release

In (pplware)

_________________
Viriato


Only a biker knows why a dog sticks his head out of a car window.
avatar
Viriato
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 1111
Idade : 48
Localização : Alcobaça
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : Harley-Davidson XLH 883
Reputação : 33
Data de inscrição : 13/02/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum