Yagha-provincia de Burkina Fasso

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por Parrilha em Qua 22 Abr 2009, 20:43

Yagha é uma província de Burkina Faso localizada na região Sahel. Sua capital é a cidade de Sebba.
População de 116.419 habitantes e uma àrea de 6.468 Kms2. A densidade populacional é de 18 habitantes /Km2.
O Burkina Faso está dividido em 13 regiões administrativas, que por sua vez estão subdivididas em 45 províncias.


Há mais.
avatar
Parrilha
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 795
Idade : 46
Localização : AQUI
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : Yamaha Drag Star 1100
Reputação : 21
Data de inscrição : 13/02/2009

http://lanzeiras.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por Parrilha em Qua 22 Abr 2009, 20:49

18/06/2008
Burkina Fasso combate a desertificação e a mudança climática com técnicas tradicionais

Gaëlle Dupont
Enviada especial a Gourcy, Burkina Fasso

Um cavalo está amarrado na entrada do quintal de Ali Ouedraogo, no povoado de Gourcy, a 150 km ao norte de Ouagadougou, a capital de Burkina Fasso, em pleno Sael [faixa de campos áridos ao sul do deserto do Saara]. Não é uma coisa banal: um animal é um sinal de sucesso, a prova de que aos 78 anos Ali Ouedraogo vive melhor que seus vizinhos, agricultores como ele. No meio de seu quintal, três paióis circulares estão cheios de sorgo até o topo. Eles contêm o suficiente para alimentar toda a família até a próxima colheita, em setembro, talvez até mais. Quarenta pessoas, entre elas uma fieira de crianças, vivem disso, enquanto outras famílias já enfrentam escassez. Elas terão de sobreviver com babenda, um mingau com gosto de espinafre velho, feito de um punhado de cereais e muitas folhas.

Os campos de Ouedraogo não se parecem com os de seus vizinhos. Aqui o hábito é desmatar, plantar e colher até esgotar o solo, depois recomeçar um pouco mais longe. Os agricultores deixam para trás uma terra estéril, nua como um piso de cerâmica. Com o aumento da população cresce a necessidade de terras e mais se esgota o solo. É a engrenagem da desertificação, agravada pelos fatores climáticos.

Para Ali Ouedraogo tudo mudou em 1983. "Naquele momento a situação era muito dura", ele conta. "Não havia chuva, as colheitas eram ruins, eu pensava em deixar a região." Muitos emigraram. Ele decidiu ficar e cuidar das terras degradadas, que ninguém queria na época. Com a ajuda de uma organização não-governamental dedicada ao combate à desertificação, ele pouco a pouco bateu recordes de produtividade. Hoje colhe em média 1.500 quilos de sorgo por hectare, contra 800 quilos nas melhores terras das redondezas.



Para isso não houve necessidade de máquinas agrícolas, adubos químicos ou sementes milagrosas. Os agricultores não poderiam pagá-los. Nem de represas, pois o relevo não se presta. São necessárias pedras, picaretas, pás, um nível para calcular o sentido do escoamento da água e muita mão-de-obra. O objetivo é impedir a erosão e reter o máximo de água no solo.

"Trata-se de técnicas rurais tradicionais, aperfeiçoadas por agrônomos", explica Matthieu Ouedraogo, que forma os agricultores. Nos campos, fileiras de pedras, batizadas de cordões pedregosos, são feitas ao longo das curvas de nível, desenhando pequenos terraços. Árvores são plantadas aí. Barreiras em forma de meia-lua retêm a água em microbacias. Os "zai", buracos com 20 cm de profundidade onde as sementes são plantadas em esterco, permitem uma infiltração mais profunda da água.

"Todas essas técnicas contêm o escoamento da água", continua Matthieu Ouedraogo. "Pouco a pouco a terra se regenera." E as árvores que crescem nos terrenos fornecerão lenha que não será mais retirada da mata...

"Com essas técnicas podemos deixar o Sael verde de novo", afirma Souleymane Ouedraogo, pesquisador do Instituto do Meio Ambiente e Pesquisas Agrícolas (Inera). "Contivemos a desertificação, aumentou a fertilidade das terras, e, portanto a produção de cereais e de ração para os animais, a biodiversidade se recupera." Bastam quatro ou cinco anos para obter bons resultados nas terras degradadas.

Por que então todo o Sael não é transformado? Em Burkina Fasso, cerca de 300 mil hectares estariam preparados, ou seja, menos de 9% da superfície cultivável do país. "Essas técnicas não são muito caras, mas é preciso um investimento inicial", explica Bertrand Reysset, engenheiro agrônomo do Comitê Inter-Estados de Combate à Seca no Sael (Cilss), que reúne nove países da região.

O investimento chega em média a 130 euros por hectare. É preciso alugar um caminhão e pagar o combustível para buscar as pedras, comprar um mínimo de material, pagar a mão-de-obra durante os trabalhos. Uma formação e um acompanhamento são necessários. Tudo isso está fora do alcance dos agricultores que trabalham com foice, dobrados em dois nos campos. Os bancos não lhes dão crédito. Os projetos implementados tiveram o financiamento de ONGs.

Essas técnicas, experimentadas desde os anos 1980 no âmbito do combate à desertificação, seriam muito úteis para adaptar-se à mudança climática. "Os modelos climáticos prevêem um aumento da freqüência de acontecimentos extremos, um prolongamento da estação seca, precipitações mais concentradas e torrenciais", explica Edwige Botoni, especialista em gestão de recursos naturais do Cilss. "Isso terá um impacto negativo na produtividade do solo."

A estação de chuvas de 2007 foi um exemplo perfeito disso. Ela começou atrasada e toda a água caiu ao mesmo tempo, em agosto, provocando inundações. "A luta contra a desertificação e a adaptação à mudança climática coincidem em 90%", afirma Reysset.

Todos esperam que a crise alimentar mundial faça mudar as coisas. Eles ouviram o discurso do presidente francês, Nicolas Sarkozy, que apelou para "aplicar esforços na agricultura de sobrevivência subsaariana" em 3 de junho em Roma, durante a cúpula sobre a alimentação. A agricultura é um parente pobre há 30 anos. Ela representa apenas 5% da ajuda pública ao desenvolvimento, e são raros os países que lhe dão prioridade. Ela vem depois dos ambulatórios, escolas, estradas...

Na aldeia de Guiè, ainda no norte de Burkina, a ONG Terra Verde obteve resultados especialmente espetaculares, criando um "bosque saeliano", segundo a expressão de seu fundador, Henri Girard, um engenheiro agrônomo francês. Cercas vivas protegem o solo da erosão. Com uma mecanização mínima, uma pequena dose de fertilizantes químicos, variedades selecionadas e rotações culturais bem escolhidas, a região reverdeceu e a produção é quatro vezes superior à média.

"É a prova de que não há fatalidade, que mesmo com nossos solos e nossos climas tudo é possível", comenta Hamado Sawadogo, agrônomo do Inera. O investimento inicial foi de 400 euros por hectare. Mas a evolução das práticas também exige uma mudança de mentalidade. "As pessoas aqui são fatalistas: se eu sou pobre, se perdi minha colheita, foi Deus quem quis", explica Girard. "Mas alguns se levantam. A cada 50 km há alguém disposto a se mexer."


Prontos

Ja deve chegar pa mudares de opinião.
Ps: deu-me uma trabalheira do caraças....
avatar
Parrilha
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 795
Idade : 46
Localização : AQUI
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : Yamaha Drag Star 1100
Reputação : 21
Data de inscrição : 13/02/2009

http://lanzeiras.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por Viriato em Qua 22 Abr 2009, 21:18

Ó meuzzz amigozzzz, hezzzz hezzzz
ui

_________________
Viriato


Only a biker knows why a dog sticks his head out of a car window.
avatar
Viriato
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 1111
Idade : 48
Localização : Alcobaça
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : Harley-Davidson XLH 883
Reputação : 33
Data de inscrição : 13/02/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por EduMCABiker em Qua 22 Abr 2009, 21:41

Bom,podia estar mais completo porque isso que escreveste eu já sabia,mas vá.
Back in Forum!

_________________
Abraço

L & R
Eduardo
M.C. Alentejano - Oeste
avatar
EduMCABiker
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 974
Idade : 48
Localização : Alcobaça | Lisboa
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : HD Night Train | Virago 535
Reputação : 14
Data de inscrição : 13/03/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por Ezra em Qua 22 Abr 2009, 21:48

Kom tanta palavra até me perdi...
28

_________________
Uma vez fiz uma dieta , onde deixei de beber e em 14 dias perdi 2 semanas .

Em hebraico Ezra ( עֶזְרָא ,abreviação de עַזְרִיאֵל "Aquele que ajuda, Ajudador, Auxiliador)
avatar
Ezra
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 580
Idade : 42
Localização : No 2º maior País da Peninsula Iberica
Tens Moto? : Já tive
Reputação : 25
Data de inscrição : 23/02/2009

http://www.psarts.bravehost.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por EduMCABiker em Qua 22 Abr 2009, 22:03

De certeza que o Parrilha se inspirou nas dissertações moto-filosóficas do Nietzsche!

_________________
Abraço

L & R
Eduardo
M.C. Alentejano - Oeste
avatar
EduMCABiker
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 974
Idade : 48
Localização : Alcobaça | Lisboa
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : HD Night Train | Virago 535
Reputação : 14
Data de inscrição : 13/03/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por Palmeira em Qui 23 Abr 2009, 09:04

Jasus , pa onde isto tá a descambar...

Isto já começa a ser mais um forum de cultura geral , que de lanzeirage.

Breve inscrevo-vos todos no programa do Malato.
avatar
Palmeira
WEB-Lanzeira Junior
WEB-Lanzeira Junior

Número de Mensagens : 296
Idade : 39
Localização : Parreitas - Portugal
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : Harley Davidson - 883
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/02/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por Nietzsche em Qui 23 Abr 2009, 09:40

...Mas estás a pensar mudar-te para lá Parrilha?
avatar
Nietzsche
WEB-Lanzeira Junior
WEB-Lanzeira Junior

Número de Mensagens : 269
Idade : 37
Localização : Babilónia
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : Sachs Fuego
Reputação : 20
Data de inscrição : 11/03/2009

http://www.mundomotard.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por EduMCABiker em Qui 23 Abr 2009, 10:01

Ele está a pensar ir para lá, mas com a fama que tem não lhe dão o visto de entrada no país!

_________________
Abraço

L & R
Eduardo
M.C. Alentejano - Oeste
avatar
EduMCABiker
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 974
Idade : 48
Localização : Alcobaça | Lisboa
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : HD Night Train | Virago 535
Reputação : 14
Data de inscrição : 13/03/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por Parrilha em Qui 23 Abr 2009, 16:16

Pelos vistos pa ir pra la tenho que levar uma ventionha porque aquele pessoal só vive do ar.
E claro que fama é comigo. Sou aquele gajo que quando ta ao pé do PAPA em Roma, as pessoas perguntam: "Quem é aquele gajo que tá ao pé do Parrilha ali na varanda"
avatar
Parrilha
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 795
Idade : 46
Localização : AQUI
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : Yamaha Drag Star 1100
Reputação : 21
Data de inscrição : 13/02/2009

http://lanzeiras.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por EduMCABiker em Qui 23 Abr 2009, 16:21

Acho que esse outro gajo era da guarda suiça do vaticano!

_________________
Abraço

L & R
Eduardo
M.C. Alentejano - Oeste
avatar
EduMCABiker
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 974
Idade : 48
Localização : Alcobaça | Lisboa
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : HD Night Train | Virago 535
Reputação : 14
Data de inscrição : 13/03/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por Parrilha em Qui 23 Abr 2009, 16:23

Tou a ver que tens tomado os comprimidos......... Very Happy
avatar
Parrilha
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 795
Idade : 46
Localização : AQUI
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : Yamaha Drag Star 1100
Reputação : 21
Data de inscrição : 13/02/2009

http://lanzeiras.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por EduMCABiker em Qui 23 Abr 2009, 16:25

Sempre!

_________________
Abraço

L & R
Eduardo
M.C. Alentejano - Oeste
avatar
EduMCABiker
WEB-Lanzeira GURU
WEB-Lanzeira GURU

Número de Mensagens : 974
Idade : 48
Localização : Alcobaça | Lisboa
Tens Moto? : Sim
Marca/Modelo : HD Night Train | Virago 535
Reputação : 14
Data de inscrição : 13/03/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Yagha-provincia de Burkina Fasso

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum